Um comentário:

Mme I. disse...

Ai marcello, marcello... como compreendo o fetiche do Fellini!