Um comentário:

O Meu Outro Eu Está a Dançar disse...

uhuhuh! também tinha sentido de humor! tenho um papelinho igual a esse escrito na pedra, mas diz: "As pessoas que mais admiro são aquelas que nunca acabam" como o d do Almada.
novo blog, nova vida.
beijo