O CODIGO DA VIGNON
Vou fazer um romance à Dan Brown com o titulo acima indicado. Vai ser uma fascinante história com todos os ingredientes do Dan que são:
Uma morte logo no principio
1-Um heroi/heroina com as seguintes caracteristicas: bonito, 35-50 anos, cultissimo, e com um trauma qq (claustrofobia, medo de agua, medo de alturas, medo da mãe, medo do medo..)
1.2-este heroi é retirado do seu ambiente normal para viver a aventura, por causa de um telefonema!!
2-Varios vilões com caracteristicas fisicas esquisitas.
3-A acção passa-se sempre num só dia.
4-Um personagem que se tornará amante do heroi, mas so no final que tem que ser: bonito, culto, estupidamente fantastico etc e tal..
5-Organismos do Estado ou gente famosa da Biblia, Alcorao ou Tora ou Tv 7 Dias(qué pra dar polémica e vender)
6-Usar a palavra PLEXIGLAS (ele usa em todos os livros!! é uma especie de vidro)
6.1-Tecnologia de ponta, que ninguem imagina que existe!! Tipo bombas atomicas silenciosas que só matam gente canhota
7-Uma grande reviravolta no meio.
8-Outra a seguir.
9-Ja nao percebemos quem eq é bom ou mau. Nem a verdade ou mentira. Nada
10-O heroi quase que morre no seu trauma
11-A situação salva-se e o heroi fica com o respectivo amante giro e inteligente e pronto. e ja ta.
No meu romance CoDiGo Da ViGnon.....
a verdade está escondida em 2 quadros....
O Banho Turco do Ingres
e as
Demoiselles D'avignon do Picasso

O Horror....

O Humor...

O Tédio...

O Plexiglas...

Brevemente.....

O Mundo nunca mais será o mesmo....

Muahahahahaha

9 comentários:

Iglo_Capitao disse...

Não sei do que tenha mais medo: se do coelhinho se do teu romance. É que depois do escreveres vai estar em todo o lado: livros, flyers, muppies, cinema, outdooors...É õ vício total e convenhamos que já não há paciência para a mesma coisa durante não sei quanto tempo!!!Medo, mto medo!!!

Anônimo disse...

Boa, mas que excelente idéia. Posso só fazer uma sugestão... Que a acção decorra no Afeganistão, e que tu partas quanto antes rumo aquele pais, para melhor interiorizares o contexto envolvente de todo o fabuloso drama. Olha já agora, ficava-te muito agradecido se pudesses levar um presente meu para essa tua epopeia. É uma t-shirt com um alvo e a cara do Bush. Aposto que vais ser o centro das atenções.

Rafael Stuart disse...

Caro anonimo!

O afganistao é uma excelente ideia para o cenario, se bem que a questao bush e companhia ja esta um bocado saturada! nem o dan brown seria tao banal! Mas mande o presente à mesma, que nós agradecemos!!

Anônimo disse...

Banal é a tua tia.

Assinado: Bush

Anônimo disse...

um herói vonito com um amante giro,
deve ter sido trauma de infância, a criança pensou que as mulheres eram tal e qual a demoiselles do picasso e vai dai começou a preferir banhos turcos com gajos e giros e não.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse...

Raios parta o lápis azul da sensura. Ainda por cima de um Rafael Stuart, que mais não é que um pseudónimo, ou pseudo anónimo. Nunca é demais citar as palavras finais de william wallace.
Freedoooooooooooooooooooooooooooom

Anônimo disse...

as palavras finais de william wallace foram abaixo os stuarts

Anônimo disse...

Até parece que lá estavas para ver. Vai dormir old timer...